Perfil biográfico

Carlos Drummond de Andrade, a rosa que sobreviveu ao lodo do Brasil getulista, mas feneceu com uma tragédia íntima

Carlos Drummond de Andrade, a rosa que sobreviveu ao lodo do Brasil getulista, mas feneceu com uma tragédia íntima

Iconoclasta, provocador, fomentador de escândalos, mesmo sob a capa do mineiro sossegado, pai de família amoroso, funcionário público dedicado — e artista de gênio invulgar. Tudo o que Carlos Drummond de Andrade (1902-1987) parecia querer da vida é que ela fosse mesmo besta, sem maiores preocupações, apesar de se ter de estar sempre atento à rosa que teima em florescer entre as muitas pedras do caminho.

Mario Quintana, o passarinho de canto triste da poesia brasileira, nascia há 115 anos

Mario Quintana, o passarinho de canto triste da poesia brasileira, nascia há 115 anos

O que seria do mundo sem a arte? O que seria da arte sem a poesia? O que seria da poesia sem Mario Quintana? Alegrete era pequena demais para as muitas ambições do menino Mario Quintana. Tanto que ele, como passarinho que era, bateu asas e voou logo. Foi cantar, aos 13 anos, em outra gaiola: no caso, um quarto do internato do Colégio Militar de Porto Alegre. Foi nesse ambiente nada lírico que começou a nascer o poeta, ao publicar seus verdes primeiros versos no suplemento literário dos alunos da instituição.

Ernest Hemingway: o gênio deprimido que viveu intensamente

Ernest Hemingway: o gênio deprimido que viveu intensamente

Ernest Hemingway (1899-1961) teve uma vida extraordinária. Nascido em Oak Park, subúrbio de Chicago, capital do Illinois, nos Estados Unidos, Hemingway escreveu páginas que entraram para a história da literatura universal, a exemplo do que se vê em “O Velho e o Mar”, sua obra máxima, vencedora do Pulitzer em 1953, e que conferiu ao escritor o Nobel, em 1954. A trajetória de Hemingway, passados sessenta anos de sua morte, merece ser celebrada ainda hoje, dia de seu aniversário de nascimento

Pedro Dom e eu: o relato confessional de um jornalista ‘infiltrado’ na nova série do Amazon Prime Video

Pedro Dom e eu: o relato confessional de um jornalista ‘infiltrado’ na nova série do Amazon Prime Video

Recebi a incumbência de reportar a estreia da primeira temporada de “Pedro Dom”, nova série do Amazon Prime Video, sobre o bandido fora da curva celebrizado por certa imprensa e determinada parcela da sociedade. O enredo empolga, as atuações oscilam entre regulares e boas, mas deu-se uma coincidência — coincidência mesmo; eu não havia relatado nada a meu editor, acreditem se possível — que eu não poderia nem queria deixar passar.

Curt Meyer-Clason: a história do tradutor de Guimarães Rosa, que ficou cinco anos preso no Brasil

Curt Meyer-Clason: a história do tradutor de Guimarães Rosa, que ficou cinco anos preso no Brasil

Curt Meyer-Clason, o grande divulgador da literatura brasileira, latino-americana e portuguesa na Europa no pós-Segunda Guerra Mundial, morreu em Munique, sul da Alemanha, em 2012, aos 101 anos. Tradutor, escritor, editor, ensaísta e crítico, deixou uma obra incomparável — cujo volume e conteúdo só aos poucos é conhecida em sua profundidade. Seu nome não constava nas manchetes de primeira página — só nos círculos editoriais, entre autores e leitores.