Marcel Proust entrevista Jorge Luis Borges

Marcel Proust entrevista Jorge Luis Borges

Sempre nas altas rodas aristocráticas e altas esferas celestiais, Marcel Proust entrevista o Homero argentino Jorge Luis Borges. Eis um verdadeiro encontro de titãs injustiçados pela Academia Sueca: de um lado o homem dos caminhos de Swann e Guermantes, do outro o homem do jardim das veredas que se bifurcam. Com vocês, na série Entrevistas do Além, o legitimo Questionário Proust com o fazedor Borges, psicografado em javanês pelo meio médium ligeiro Ademir Luiz.

A fita cassete perdida que Paul McCartney gravou para John, George e Ringo, em 1965

A fita cassete perdida que Paul McCartney gravou para John, George e Ringo, em 1965

No Natal de 1965, Paul McCartney presenteou os colegas de grupo com uma gravação de áudio caseira. A fita, nomeada “Unforgettable”, foi registrada em apenas três cópias. Durante décadas tudo o que se conhecia sobre as gravações eram detalhes revelados pelo próprio Paul. Contudo, o mistério sobre o seu conteúdo finalmente chegou ao fim. Os áudios surgiram em formato digital na internet e, agora, podem ser acessados gratuitamente.

27 mil arquivos raros de Gabriel García Márquez para download gratuito

27 mil arquivos raros de Gabriel García Márquez para download gratuito

O Centro Harry Ransom da University of Texas at Austin, nos Estados Unidos, disponibilizou um arquivo impressionante com 27,5 mil documentos do escritor Gabriel García Márquez para acesso e download gratuito. A coleção reúne cartas, manuscritos, fotografias, anotações e áudios do renomado autor colombiano. Alguns destaques são os manuscritos dos livros: “Cem Anos de Solidão” (1966) e “Crônica de Uma Morte Anunciada” (1981).

A pobreza de espírito mata mais do que a pobreza material

A pobreza de espírito mata mais do que a pobreza material

Quando a porcaria da TV começou a chuviscar a imagem, a vizinhança finalmente se tocou que havia alguma coisa muito errada na Travessa dos Incautos, ali na altura da Baixa da Égua. Urubus atazanavam, pousavam robustos sobre as antenas nos telhados. A fedentina passou a ser percebida também pelo olfato humano. Muita gente pensava que o fedor provinha do ribeirão de cocô que cortava o bairro.

20 vinhos para experimentar antes de morrer

20 vinhos para experimentar antes de morrer

Matéria-prima exclusiva, processos de produção rigorosos e condições únicas de amadurecimento são alguns dos fatores que propiciam a produção de vinhos de extrema qualidade. De produção limitada, eles são considerados verdadeiras experiências para o paladar. A Bula reuniu alguns desses rótulos em uma lista, com vinhos que todos deveriam experimentar antes de morrer.

A história de três escritoras judias assassinadas pelo nazismo

A história de três escritoras judias assassinadas pelo nazismo

“Neste gênero triste, que não deveria ter existido — a literatura do Holocausto —, prevalecem os grandes nomes, de homens, que se repetem de modo automático: Primo Levi, Elis Wiesel, Paul Celan e Imre Kertész… O único nome de mulher é o de Hannah Arendt, mas ela não passou pela perseguição cotidiana nem pelos campos de concentração — é uma pensadora”, sublinha a autora. A pesquisa é “uma homenagem a todas essas mulheres intelectuais de um grandíssimo nível”.

Entrevistas do além: Marcel Proust entrevista Paulo Francis

Entrevistas do além: Marcel Proust entrevista Paulo Francis

A Revista Bula, depois de ter adquirido em um concorrido leilão a Tábua Ouija do filme “O Exorcista”, entrou em contato sobrenatural com o próprio Marcel Proust, em carne, osso e ectoplasma, que, relembrando seus tempos de jornalista, assinou contrato exclusivo como nosso correspondente do outro lado da vida. Em reunião de pauta comandada pelo médium meio médio ligeiro Ademir Luiz decidiu-se que o primeiro entrevistado seria o jornalista e escritor Paulo Francis.

A fantástica história da Livraria Cultura

A fantástica história da Livraria Cultura

Pode-se dizer que um livro é um objeto delicioso? Creio que sim. É o caso de “O Livreiro” (Planeta, 218 páginas), de Pedro Herz, o empresário que dirige a Livraria Cultura — talvez a melhor do Brasil. Trata-se de um pequeno tesouro. Pedro Herz, de 77 anos, conta como surgiu a livraria, que tem 70 anos, e como está se processando a sua modernização. A rede conta com 17 lojas, 1,5 mil funcionários, 5 milhões de clientes e 9 milhões de produtos.

10 vinhos extraordinários que custam até 100 reais

10 vinhos extraordinários que custam até 100 reais

Apreciar um vinho de qualidade nem sempre demanda um alto investimento. Prova disso são os rótulos que a Bula reuniu em uma lista, direcionada para quem busca apreciar a bebida sem gastar muito. A seleção foi realizada pelo sommelier Victor Goulart, da Adega Bartolomeu, e reúne dez vinhos facilmente encontrados no Brasil que custam até 100 reais. As bebidas são produzidas em algumas das regiões vinícolas mais renomadas do mundo.

Hannah Arendt: a filósofa como poeta

Hannah Arendt: a filósofa como poeta

A faceta da judia Hannah Arendt filósofa quase militante — dotada de uma coragem intelectual excepcional, mesmo quando enfrentava o reducionismo e o vitimismo do establishment judaico — é por demais conhecida. Nascida em 1906 e falecida em 1975, é frequentemente citada em livros e reportagens e artigos de jornais de todo o mundo tal a vitalidade de suas ideias. Afirma-se que algumas de suas ideias são insight não desenvolvidos — e seu livro clássico, “Origens do Totalitarismo”, mereceu críticas de vários autores, como os judeus Bruno Bettelheim, psicanalista, e Raul Hilberg, historiador. Nos últimos tempos, nos quais dinheiro compra até amor verdadeiro, tem sido mencionada, com constância excessiva, por sua paixão pelo filósofo Martin Heidegger.

199 filmes para ver antes de morrer

199 filmes para ver antes de morrer

O site especializado em cinema “Roten Tomatoes” reuniu em uma lista 200 filmes essenciais que todo amante da sétima arte precisa assistir ao longo da vida. A seleção reúne produções de diferentes estilos e épocas. Entre as primeiras colocações, destacam-se os clássicos: “O Mágico de Oz” (1939), de Victor Fleming; “Cidadão Kane” (1941), de Orson Welles; e “O 3º Homem” (1949), de Carol Reed.

Os 10 últimos livros vencedores do Pulitzer

Os 10 últimos livros vencedores do Pulitzer

Desde 1917, o Pulitzer concede prêmios a jornalistas, escritores, artistas e fotógrafos pela excelência de seus trabalhos. A premiação, considerada uma das mais importantes do mundo, é anual e se divide em 21 categorias. Uma delas é dedica a romances que se destacaram pela qualidade estética e também pela importância simbólica. A Bula reuniu em uma lista as últimas dez obras ganhadoras do Pulitzer na categoria.

25 livros que são diamantes para o cérebro de crianças e adolescentes

25 livros que são diamantes para o cérebro de crianças e adolescentes

Bons livros para crianças e adolescentes — a chamada literatura infanto-juvenil — são eternos e, mais, podem ser lidos por adultos com igual prazer. Muitos livros, mesmo de qualidade mediana, se tornaram clássicos. As obras de Monteiro Lobato, Alexandre Dumas, Irmãos Grimm, Ruth Rocha, Lygia Bojunga, Ana Maria Machado, H. C. Andersen não morrem jamais. São para sempre. “Meninos da Rua Paulo”, de Ferenc Mólnar, para ficar num exemplo, é um clássico universal e atemporal.

11 canções essenciais de Vinicius de Moraes

11 canções essenciais de Vinicius de Moraes

Marcus Vinicius da Cruz de Mello Moraes formou-se em direito, foi crítico de cinema, dramaturgo, poeta de rara sensibilidade ao escrever sonetos, músico e diplomata. A seu respeito, João Cabral de Melo Neto, também diplomata de carreira, certa feita afirmou: “Vinicius de Moraes poderia ter sido o maior poeta da língua portuguesa se tivesse levado a poesia a sério e não tivesse se deixado levar pela má influência da música popular”. Mesmo assim, Vinicius de Moraes é o poeta brasileiro mais traduzido para outros idiomas.

Admito: sou interno de um hospício

Admito: sou interno de um hospício

Escrevi, numa “Carpe Diem” anterior, sobre inícios clássicos de livros; hoje, como prometido, volto ao tema com outros incipit (meu jovem editor: sem variação no plural aqui, por favor). Não são exatamente “clássicos” de melhores começos de livros, mas sim, digamos, parte da minha lista maníaco-idiossincrática.

A você, hipócrita leitor, meu igual, meu irmão (por supuesto!)

A você, hipócrita leitor, meu igual, meu irmão (por supuesto!)

Há algo de muito íntimo em receber um livro com dedicatória: nestes tempos dominados pelo computador e pela pressa, ler algo escrito de próprio punho por pessoa que se estima pode ser uma experiência rara e emocionante. E há sempre o prazer de tentar descobrir novos significados naquilo que a aparente simplicidade das palavras pode ocultar por tartufice.

Sartre: o messias da filosofia

Sartre: o messias da filosofia

O francês Jean-Paul Sartre (1905-1980), o gnomo obsceno, talvez tenha sido o filósofo mais comentado e, até, lido do século 20. O que você vai ler neste texto é tão duro que dou duas dicas: há uma ampla biografia, “Sartre”, de Annie Cohen-Solal, que tem uma interpretação menos ácida e mais equilibrada do companheiro de Simone de Beauvoir, e há “Passado Imperfeito — Um Olhar Crítico Sobre a Intelectualidade Francesa no Pós-Guerra”, do historiador britânico Tony Judt.

A obra completa de Frédéric Chopin para download gratuito

A obra completa de Frédéric Chopin para download gratuito

O Musopen vem disponibilizando para download a obra completa do polonês Frédéric Chopin, considerado um dos maiores compositores clássicos de todos os tempos. As gravações foram feitas por pianistas dos mais importantes conservatórios do mundo, entre eles: Christopher Harding, Edward Neeman, Maxim Anikushin, Ilya Friedberg, Kei Takumi e Michael Chertock. Toda a obra de Chopin tem o piano como peça chave. Suas composições são consideradas repertório essencial para o instrumento.

26 livros que mudaram minha vida e podem mudar a sua

26 livros que mudaram minha vida e podem mudar a sua

A presente lista, como as listas de um modo geral, tem algo de arbitrário e aleatório. Mas na medida do possível procurei citar aqueles livros que mais fortemente me marcaram em algum momento e por isso mesmo são minhas influências mais recorrentes. É claro que influências não ocorrem apenas por admiração, mas também e, sobretudo, por antipatia. Os livros de que não gostei me influenciam, na medida em que procuro me afastar dos recursos e técnicas neles utilizados. Ative-me apenas a livros de ficção em prosa.

Os 10 melhores poemas dos últimos 200 anos

Os 10 melhores poemas dos últimos 200 anos

Pedimos aos leitores e colaboradores que apontassem, entre poemas conhecidos de autores brasileiros e estrangeiros, quais são, em suas opiniões, os melhores publicados nos últimos 200 anos. Os poemas estão classificados de acordo com o número de votos que obtiveram. O resultado não pretende ser abrangente ou definitivo e corresponde apenas à opinião das pessoas consultadas.

Os 50 melhores livros da história da literatura

Os 50 melhores livros da história da literatura

Para se chegar ao resultado fizemos uma compilação de listas publicadas por jornais, revistas e sites especializados em listas, mercado editorial e livros. O objetivo da pesquisa era identificar, baseado nestas listas, quais eram os melhores livros da história da literatura. Algumas das listas pesquisadas incluíam apenas romances, outras — livros não ficcionais. Algumas traziam apenas obras do século 20, outras — obras seminais, formadoras da cultural ocidental. Após a seleção das listas, criamos uma base de dados para que todos os livros fossem pontuados igualmente independentemente do gênero ou período em que foi escrito.

22 livros que são diamantes para o cérebro

22 livros que são diamantes para o cérebro

Livros, bons livros, são verdadeiros diamantes para o cérebro ou, se se quiser, para a alma. Aliás, até maus livros, se bem lidos, se tornam pelo menos uma vistosa bijuteria. Nesta lista, idiossincrática como qualquer outra, menciono livros que, em geral, foram editados no Brasil há alguns anos. Mas poucos estão fora de catálogo. Os que estão podem ser encontrados em sebos — caso da obra-prima “Paradiso”, romance do Lezama Lima. Quando Fidel Castro for um rodapé na história de Cuba, daqui a 55 anos, Lezama Lima permanecerá sendo lido.

As 25 melhores músicas de Ray Charles

As 25 melhores músicas de Ray Charles

O jornal britânico “The Telegraph” publicou uma lista com as melhores músicas da lenda do jazz Ray Charles. A seleção foi realizada pelo jornalista e crítico Martin Chilton, e inclui canções de diferentes momentos da carreira do artista, como “Hallelujah, I Love Her So” (1957); “Don’t Let The Sun Catch You Cryin’” (1959); e “Yesterday” (1987). Todas as músicas foram incluídas pela Bula em uma playlist no Spotify.