Não, nós não somos melhores que ninguém e nossa dor não é pior que a do outro

Não, nós não somos melhores que ninguém e nossa dor não é pior que a do outro

Todo mundo sofre. Uma hora ou outra, dói. Não há quem escape. Uns sentem mais, outros menos. Mas todos sofrem. Ah, sofrem, sim. Há os que demonstram pouco, quase nada, e isso não quer dizer que também não amarguem uma perda aqui, uma separação ali, uma decepção acolá. E há os que escancaram seu pesar com a honestidade de um alto-falante. Tem gente que grita sua queixa muito mais alto que o volume da dor que sente. Também tem aqueles que sofrem não pela tristeza da perda, do fim, do adeus, mas pela incompreensão do fato, pela dificuldade de aceitar que algo acabou.

26316
26 livros que mudaram minha vida e podem mudar a sua

26 livros que mudaram minha vida e podem mudar a sua

A presente lista, como as listas de um modo geral, tem algo de arbitrário e aleatório. Mas na medida do possível procurei citar aqueles livros que mais fortemente me marcaram em algum momento e por isso mesmo são minhas influências mais recorrentes. É claro que influências não ocorrem apenas por admiração, mas também e, sobretudo, por antipatia. Ative-me apenas a livros de ficção em prosa. Não citei livros igualmente importantes nas áreas de poesia, filosofia, história, ensaio, crítica literária, divulgação científica. Muitos outros livros de ficção me marcaram também, como “Memorial do Convento”, de José Saramago e “Histórias Extraordinárias”, de Allan Poe, que, por questão de limites, ficaram de fora.

Sabe o ódio que espalhamos por aí? Daqui a pouco ele volta. Bem na cara de um de nós, de um dos nossos

Sabe o ódio que espalhamos por aí? Daqui a pouco ele volta. Bem na cara de um de nós, de um dos nossos

Ódio é ódio, minha gente. Amarrar a um poste um suspeito de assalto e surrá-lo até a morte é exercitar o mesmo ódio que um assassino põe em prática ao tirar a vida de um trabalhador no ponto de ônibus. É dar cabo da mesma fúria de um covarde que espanca a mulher em casa. Quem toma parte de um linchamento utiliza o mesmo recurso de um bandido medonho que amarra uma corda ao pescoço de um cachorrinho e o asfixia para divulgar a foto nas redes sociais.

A obra completa de Frédéric Chopin para download gratuito

A obra completa de Frédéric Chopin para download gratuito

O Musopen, por meio do Kickstarter — o maior site de financiamento coletivo do mundo — vem disponibilizando para download a obra completa do polonês Frédéric Chopin, considerado um dos maiores compositores clássicos de todos os tempos. As gravações foram feitas por pianistas dos mais importantes conservatórios do mundo, entre eles: Christopher Harding, Edward Neeman, Maxim Anikushin, Ilya Friedberg, Kei Takumi e Michael Chertock.

20754
Somos colecionadores de abismos. Mas ainda somos feitos de sonhos

Somos colecionadores de abismos. Mas ainda somos feitos de sonhos

No meio a tanta fome e tristeza, entre violência e guerras e medo, você se sente pequeno. Mas, mesmo assim, pela janela do seu coração, você quer acenar para a vida como quem assiste a banda passar. Apesar de toda perda, quer acreditar que para cada pergunta haverá uma reposta. Mesmo quando o dia amanhecer cinzento e tudo feder a falsidade, e amargo for o sabor do mundo, você quer continuar acreditando na bondade.

Chora, baby! Você está sendo filmado!

Chora, baby! Você está sendo filmado!

Os espetáculos de vexame animam o circo das mídias sociais. E há de um tudo nessa seara insana. Uma gata que não tem nada a dizer pagando sexo oral pro namorado — hoje, seu ex-namorado. Um padre flagrado com dízimo na batina. Um lunático dando um tiro no céu da boca. Um aleijado pulando a cerca com sua cadeira de rodas. Crianças em idade escolar fazendo sexo com marmanjos escolados em pedofilia. O Papa xingando puta-que-o-pariu numa tensa homilia reservada aos bispos do planeta.