Autor: Ricardo Silva

As 16 melhores páginas brasileiras de humor no Facebook

As 16 melhores páginas brasileiras de humor no Facebook

De todos os usuários da Internet, quando o quesito é humor, não há quem supere a originalidade do brasileiro, que já travou guerras épicas de memes com a China, os Estados Unidos, Portugal e com outras potências mundiais, e conseguiu obter a honrosa alcunha de povo mais “odiado da web”, por não saber o que é limite. Na sua insuperável criatividade, o brasileiro faz piada com tudo, absolutamente, com tudo. Humor de todo peso e cores, do leve ao pesado, e, inevitavelmente, passa pelo humor negro. E uma das redes sociais em que o brasileiro sabe como armazenar seu arsenal humorístico é o Facebook.

As 21 melhores canções brasileiras dos últimos 100 anos

As 21 melhores canções brasileiras dos últimos 100 anos

Perguntamos aos nossos leitores e colaboradores quais as melhores canções brasileiras dos últimos 100 anos. Mais de 300 músicas foram citadas por cerca de 7 mil participantes. A partir das respostas, elaboramos uma lista com as 21 que obtiveram mais citações. Com o objetivo de dar maior amplitude à pesquisa, foi adotada como critério a inclusão de apenas uma música por intérprete, já que alguns nomes emplacariam mais de uma canção entre as 21 selecionadas. As canções seguem estilos distintos e foram compostas em diferentes épocas e contextos históricos.

Mais de 100 mil preciosidades artísticas para download e consulta online

Mais de 100 mil preciosidades artísticas para download e consulta online

O Getty Research Portal disponibiliza mais de 100 mil documentos artísticos para download ou consulta online. O acervo, considerado um dos maiores repositórios culturais do mundo, traz preciosidades históricas sobre arquitetura, pintura, escultura, teatro, cinema, música, dança, fotografia, além de raras edições ilustradas de livros clássicos. A coleção é o resultado da parceria do Getty Research Portal com uma dezena instituições, em cinco continentes, que cederam parte de seus acervos para digitalização e acesso gratuito.

No jogo do desinteresse ninguém ganha. E quem perde é a vida

No jogo do desinteresse ninguém ganha. E quem perde é a vida

Nas redes sociais borbulham pequenos textos sobre a Cultura do Desinteresse. Essa cultura que consiste em mostrar-se pouco interessado no outro, naquele que se dispõe a entrar nas nuances do flerte contemporâneo. Esse desinteresse, hoje, é o primeiro dos recursos a ser usado no jogo da conquista. Comportamento que expressa todas as características da pós-modernidade, em que as redes sociais ditam quais comportamentos podem ser aceitáveis ou não. E mostrar-se muito atencioso nesses espaços indica carência. E ninguém quer ser rotulado como carente.

3484
41 perfis do Instagram para apreciadores de arte

41 perfis do Instagram para apreciadores de arte

As redes sociais podem ser, ao mesmo tempo, um vasto mar de inutilidades e perda de tempo ou um oceano de conhecimento e conteúdos relevantes. Dependerá, sobretudo, daquilo o expectador busca. O Instagram talvez seja uma boa síntese dessa ideia. De fotos de pessoas em trajes sumários a frases motivacionais, de gatinhos e cãezinhos fofinhos a notícias cotidianas, de artistas profissionais e amadores às maiores galerias de arte do mundo. Essa é uma das flexibilidades da rede de imagens.

1315
21 páginas do Facebook que todo amante do cinema precisa conhecer

21 páginas do Facebook que todo amante do cinema precisa conhecer

Desde as primeiras imagens móveis, criadas pelos irmãos Lumière, o cinema se estabeleceu como a arte do fascínio, da doce ilusão, e também como a arte das possibilidades, do impossível, do improvável. Desde então ele é considerado, com muita justiça, a sétima arte. E são muitos os que a ela se dedicam com devoção ou são ávidos contempladores das obras que eclodem do seu centro. Para esses aficionados, a Revista Bula selecionou 21 páginas relacionadas ao cinema, que todo cinéfilo precisa conhecer.

3726
Os 55 melhores tweets de 2015

Os 55 melhores tweets de 2015

Imagine o seguinte cenário: de todas as redes, você teria que escolher apenas uma, porque todas as outras seriam deletadas para sempre. Qual você escolheria? De pronto já sabemos que a resposta majoritária seria o Twitter. Por que tanta certeza? Simples: porque a rede de 140 caracteres é, de longe, a melhor rede social. De política aos últimos acontecimentos de qualquer programa de televisão, os comentadores do Twitter não deixam escapar nenhum detalhe. Nada passa batido. São milhões de publicações diárias, muitas irrelevantes, outras monumentais. E foram 55 pérolas desse ano que a Revista Bula selecionou.