Web Stuff

A obra de Georges Méliès, o inventor do cinema, está disponível no YouTube Lobster Films

A obra de Georges Méliès, o inventor do cinema, está disponível no YouTube

A arte cinematográfica veio a se tornar o portento que é hoje graças ao pioneiríssimo Georges Méliès (1861-1938). O francês, primeiro diretor de cinema a realizar filmes como os conhecemos, foi responsável pela concepção de mais de 500 produções — em nossos dias, talvez fosse forçar um pouco a barra chamá-las assim, mas à época o que Méliès punha na praça era verdadeiramente revolucionário — em que, além de dirigir, foi roteirista, produtor, editor, montador e o ator principal. Lançados entre 1896 e 1913, as histórias eram repletas dos mais variados e impensáveis efeitos especiais, que ele mesmo criava.

Aplicativo dá acesso a acervo de livros banidos e proibidos pelo mundo

Aplicativo dá acesso a acervo de livros banidos e proibidos pelo mundo

Há quem pense que censura é coisa do passado, que hoje em dia não se bane mais livros, músicas, filmes. Por incrível que pareça, muitos países ainda praticam esse tipo de proibição. Mas, para manter o acesso a todas as obras literárias gratuito e disponível, uma parceria entre a Biblioteca Pública de Nova York com o projeto “Books for All”, criou um aplicativo que democratiza a leitura.

Todas as cartas de Van Gogh online

Todas as cartas de Van Gogh online

As correspondências do pintor foram traduzidas para o inglês e disponibilizadas online pelo Museu Van Gogh, a instituição que possui a maior coleção de obras do artista no mundo. São mais de 900 cartas que Vincent escreveu para vários amigos e membros da família, principalmente para seu irmão mais novo, Theodorus Van Gogh, chamado de Theo. Junto às cartas, às vezes ele também enviava ilustrações, muitas delas esboços de pinturas em andamento.

5 mil ilustrações e esboços de obras de arte para download gratuito Foto: Georgios Kollidas / Dreamstime

5 mil ilustrações e esboços de obras de arte para download gratuito

A Biblioteca e Museu Morgan, localizado em Nova York, nos Estados Unidos, disponibilizou um acervo raro com mais de 5 mil ilustrações clássicas e esboços de obras de arte para acesso e download gratuito. Datadas dos séculos 15 ao 19, as ilustrações são assinadas por artistas de destaque na história da arte, como Leonardo da Vinci, Michelangelo, Albrecht Dürer, Luigi Baccio del Bianco e Neil Gall. Além de data e artista, os arquivos também estão organizados de acordo com a escola a qual pertenceram: americana, austríaca, belga, britânica, dinamarquesa, holandesa, entre outras.