As 10 fotografias mais emblemáticas das Olimpíadas Rio 2016, a lista das listas

As 10 fotografias mais emblemáticas das Olimpíadas Rio 2016, a lista das listas

Para se chegar ao resultado fizemos uma compilação de listas, galerias de imagens e reportagens publicadas por sites, jornais, revistas e redes de televisão que fizeram a cobertura dos Jogos Olímpicos Rio 2016. As dez fotografias selecionadas mesmo não sendo unanimidade entre as publicações pesquisadas, são referências incontestes de alguns dos momentos mais emblemáticos da história recente do esporte olímpico.

591
A mania de algumas pessoas acharem que o mundo gira ao redor de seus umbigos

A mania de algumas pessoas acharem que o mundo gira ao redor de seus umbigos

Todo mundo conhece uma pessoa assim: na roda de conversas, ela domina o assunto, conta mil histórias sobre si, é completamente desinteressada do que os outros têm a dizer e cria situações para arrancar elogios a fórceps. Se você quiser falar alguma coisa, querido, aproveite enquanto ela enche o pulmão de ar, porque é tudo o que lhe resta. Conversar com egocêntrico parece uma corrida de 100 metros rasos: termina-se cansado, como se a mais simples troca de informações fosse uma competição de gogó por quem fala mais, mais alto e sobre a própria vida.

4057
A obra completa de Franz Schubert para download

A obra completa de Franz Schubert para download

Maior poeta lírico da música universal, Franz Schubert nasceu em janeiro de 1797 e morreu em novembro de 1828. Viveu apenas 31 anos e escreveu cerca de 600 canções, além de óperas, sinfonias e sonatas. Entre suas peças mais conhecidas e importantes estão “A Bela Moleira”, “Truta”, “A Morte e a Donzela”, “Ave Maria”, “Sinfonia Inacabada” e “Canto do Cisne”. Schubert não teve reconhecimento público, mas o interesse pela sua música aumentou significativamente nas décadas que se seguiram à sua morte.

3999
10 brasileiros notáveis que vão deixar você orgulhoso por ser brasileiro também

10 brasileiros notáveis que vão deixar você orgulhoso por ser brasileiro também

Selecionei para a Revista Bula dez brasileiros notáveis que cravaram os seus nomes na história, ao contribuírem com o seu trabalho para o bem da coletividade. A lista é simbólica, idealizada para ressaltar que os heróis de fato nem sempre visitam os pódios e, muitas vezes, não passam de ilustres desconhecidos para a maioria da população inculta, pois não saltaram com vara, não meteram a bola na rede, não pisaram tatames, a despeito de terem transformado para melhor a vida de muitos. Foram brasileiros com muito orgulho, com muito amor e muito pouco reconhecimento.

879
Somos as palavras que trocamos, os erros que cometemos e os impulsos que cedemos

Somos as palavras que trocamos, os erros que cometemos e os impulsos que cedemos

Somos o que restou do que um dia fomos. Somos o pó de uma infância feliz e a nuvem fazendo pairar incertezas sobre uma velhice digna. Somos o mundo de alguém e o nada para o mundo inteiro. Somos a promessa de evolução, assim, sem pressa, caminhando numa procissão sem rumo, com a fé de que lá na frente seremos um tantinho melhores. Nunca estivemos tão perdidos nessa romaria chamada Vida. Procuramos caminhos e saídas através dos pés dos outros, escutando vozes paralelas à nossa, seguindo andarilhos igualmente perdidos. Nos preocupamos em saber para onde ir, quando nem sabemos quem realmente somos.

6338
Quando quiser ser ouvido não grite, silencie

Quando quiser ser ouvido não grite, silencie

O silêncio é uma lacuna passível de ser mal interpretada. O mais instigante é não saber o que ele significa exatamente — se é indiferença, cansaço, dor, medo ou se é alguém tentando nos esquecer. O silêncio que perturba é aquele que mais coisas diz. Há silêncios que respondem aos tolos: calam os opositores, desbancam os argumentos dos conflituosos insistentes. Há silêncios feitos para a alma respirar: permitem que o tempo traga respostas contundentes. Há silêncios que são covardia: vêm dos que não se resolvem, dos escorregadios, dos fugidios, dos que não se encaram de frente.

4942
Diz-me como tratas o garçom que eu te direi quem tu és

Diz-me como tratas o garçom que eu te direi quem tu és

Eu me vingo do mundo com os intestinos. De tal forma que eu tive que encarar o toalete deplorável daquele boteco. Não dava pra adiar. Estava sendo chantageado por uma mulher, e isso me dava cólicas terríveis. Não me venham com feminismo de araque. Podia ser um homem, só que, no caso, era uma mulher. Simples assim. Por que a dita-cuja me chantageava não lhes diz respeito. Só comentei o fato para contextualizar: eu andava estressado à beça e isso fazia com que minhas tripas sofressem.

6715
Ler romances faz viver mais e melhor. Palavra da Universidade de Yale

Ler romances faz viver mais e melhor. Palavra da Universidade de Yale

O hábito da leitura é um passaporte para o turismo no universo do imaginário, com direito a viagens sem fim. Porque mesmo quando você acaba de ler um, logo aparece outro e outro te levando para novas e fascinantes jornadas, e assim a vida vai ganhando motivos a mais para ser vivida. Pois aquilo que todos sabíamos por intuição, a ciência acaba de revelar por comprovação: ler faz você viver por mais tempo.

4654
A vida começa quando decidimos parar de agradar à plateia

A vida começa quando decidimos parar de agradar à plateia

É certo que a arte imita a vida. Muitos vivem quase que exclusivamente para atender às expectativas do público, seja por uma questão de vaidade, jogo exibicionista, ou porque acreditam dever constantemente ao outro a condição de servir — sob o custo da angústia e do desespero diante da anulação da própria existência. Aquele que faz tudo para agradar a todos enquanto se desagrada sentirá, cedo ou tarde, o arrombo no peito tomado por um vazio existencial.

79535
Virginia Woolf tentou ‘curar’ sua loucura pelo suicídio

Virginia Woolf tentou ‘curar’ sua loucura pelo suicídio

Em 28 de março de 2016 completou 75 anos que a escritora inglesa Virginia Woolf se matou. Virginia, que hoje tende a ser comparada (desfavoravelmente) a James Joyce, que ela considerava (invejosamente) um operário autodidata, morreu aos 59 anos, jogando-se no Rio Ouse, em 1941. A obra de Virginia permanece gerando polêmica. Para alguns, ainda é inovadora. Para outros, teria envelhecido. A revolução de Virginia estaria obscurecida pela revolução de Joyce.

6568
Seja grato, mas não espere que os outros sejam. A gratidão é uma virtude de poucos

Seja grato, mas não espere que os outros sejam. A gratidão é uma virtude de poucos

A gratidão sincera não precisa de cerimônia e dispensa intermediários. Há momentos em que agradecer dispensa até mesmo palavras, traduzindo-se em abraços, sorrisos, orações ou num simples suspiro profundo de quem se alegra pelo que já alcançou. Vive-se hoje a certeza de que nada é suficiente, uma sede inesgotável que consome dinheiro, energia e sobretudo a própria vida. A graça tem sido lamentar pelo que ainda não se tem, sem reconhecer o que já foi alcançado e quem ajudou a chegar até aqui. Copo meio vazio sempre.

154926
Até caçar Pokémon é melhor do que correr atrás de um canalha

Até caçar Pokémon é melhor do que correr atrás de um canalha

Canalhas. Espécie Homo Sapiens Cafajesties Modernus. Não possuem habitat natural específico, estão por toda parte. Não fazem distinção do estado civil, nem de gênero, são homens e mulheres. Alimentam-se dos restos de corações abatidos e depois desaparecem sem deixar vestígios. O canalha atrai suas presas por simpatia, aparente inteligência, mas, sobretudo, por valer-se de um certo erotismo entorpecedor.

6571
A deliciosa sensação de estar sozinho e sentir-se verdadeiramente feliz

A deliciosa sensação de estar sozinho e sentir-se verdadeiramente feliz

Enquanto enchia minha farta taça de vinho pela segunda vez, já com os dentes e lábios roxos, dei-me conta de que a mesa a que me sentava estava vazia, exceto por mim. Na cozinha também havia ninguém, assim como em todo o apartamento. Sequer música se podia ouvir. Eu estava só e engolida pelo silêncio. Por um segundo, incomodou-me um pouco que a ideia de que alguém, vendo aquilo, pudesse concluir ser um momento de solidão abandonada. O ato de beber sozinho carrega a história de escritores decadentes e amores de insucesso, conferindo ao álcool um comportamento ambíguo: consumido em grupo, serve para brindar a vida; já em isolamento, serve para afogar as mágoas.

76416
Os 10 melhores poemas brasileiros de todos os tempos

Os 10 melhores poemas brasileiros de todos os tempos

Pedimos aos leitores e colaboradores que apontassem os poemas mais significativos de autores brasileiros em todos os tempos, independentemente de gêneros ou correntes literárias a que pertenceram. O resultado não pretende ser abrangente ou definitivo e corresponde apenas à opinião das pessoas consultadas. Por motivo de direitos autorais, alguns poemas tiveram apenas trechos publicados.

20908
Toda a obra de Van Gogh em alta resolução para download gratuito

Toda a obra de Van Gogh em alta resolução para download gratuito

O Museu Van Gogh, que tem sede em Amsterdã, Holanda, disponibilizou para visualização on-line ou download, em alta resolução, todo o seu acervo com a obra do pintor holandês Vincent van Gogh. Pinturas, desenhos, esboços e anotações estão acessíveis em altíssima resolução. Além do download, por meio da ferramenta de zoom é possível conferir cada detalhe das pinceladas do gênio do pós-impressionismo — expressão artística utilizada para definir a pintura e, posteriormente, a escultura no final do século 19.

23997
250 mil imagens de obras de arte em alta resolução para download gratuito

250 mil imagens de obras de arte em alta resolução para download gratuito

O Rijksmuseum, um dos maiores museus da Europa, dedicado à artes e história, disponibilizou para apreciação on-line ou download, parte de seu gigantesco acervo. São aproximadamente 250 mil obras. Durante a era de ouro das navegações, período da História compreendido entre 1584 e 1702, quando navios holandeses dominavam as rotas mercantes do globo e o país se transformou na primeira potência capitalista do ocidente, a crescente burguesia demandava uma vasta produção de retratos e pinturas, florescendo o comércio, a ciência e, sobretudo, as artes. Poucos países tiveram tamanha produção artística e com tal qualidade como a Holanda desse tempo.

125723
474 livros de arte para download gratuito

474 livros de arte para download gratuito

O Metropolitan Museum of Art, de Nova York, um dos maiores e mais importantes museus do mundo, disponibilizou parte de suas publicações para download gratuito. São 474 livros. As obras disponibilizadas compreendem todo o período da história da arte — ressaltando as características artísticas distintivas e influentes, classificando as diferentes formas de cultura e estabelecendo a sua periodização. Os livros estão disponíveis para download no formato PDF ou podem ser lidos on-line.

175804
Os 10 melhores poemas dos últimos 200 anos

Os 10 melhores poemas dos últimos 200 anos

Pedimos aos leitores e colaboradores que apontassem, entre poemas conhecidos de autores brasileiros e estrangeiros, quais são, em suas opiniões, os melhores publicados nos últimos 200 anos. Mais de 3 mil participantes responderam a enquete. A partir da opinião dos convidados, sintetizamos a lista reunindo os dez poemas mais citados. Os poemas estão classificados de acordo com o número de votos que obtiveram. Dois poetas brasileiros estão na lista: Carlos Drummond de Andrade, Ferreira Gullar. Por motivo de direitos autorais, alguns poemas tiveram apenas trechos publicados. O resultado não pretende ser abrangente ou definitivo e corresponde apenas à opinião das pessoas consultadas.

43869
22 livros que são diamantes para o cérebro

22 livros que são diamantes para o cérebro

Livros, bons livros, são verdadeiros diamantes para o cérebro ou, se se quiser, para a alma. Aliás, até maus livros, se bem lidos, se tornam pelo menos uma vistosa bijuteria. Nesta lista, idiossincrática como qualquer outra, menciono livros que, em geral, foram editados no Brasil há alguns anos. Mas poucos estão fora de catálogo. Os que estão podem ser encontrados em sebos — caso da obra-prima “Paradiso”, romance do Lezama Lima. Quando Fidel Castro for um rodapé na história de Cuba, daqui a 55 anos, Lezama Lima permanecerá sendo lido.

210520
Pecados, demônios e tentações em Chaves

Pecados, demônios e tentações em Chaves

O ator, escritor e diretor mexicano Roberto Gómez Bolaños, morto em 2014, apelidado, num exagero quase perdoável, de Chespirito, ou “Pequeno Shakespeare” à mexicana. Ele é o criador de uma das mais sutis, brilhantes e temíveis representações do inferno em qualquer das artes: o seriado “Chaves”. Se, conforme ensinou Baudelaire, “a maior artimanha do demônio é convencer-nos de que ele não existe”, podemos concluir que esse mesmo demônio não iria apresentar seus domínios por meio de estereótipos: escuridão, chamas, tridentes, lava. Em “Chaves”, verdadeiramente, “o inferno são os outros”.

61321
Lista dos 100 melhores filmes do século 21, segundo a BBC

Lista dos 100 melhores filmes do século 21, segundo a BBC

O comitê de cultura da BBC fez uma pesquisa para eleger os 100 melhores filmes lançados no século 21. O levantamento teve a participação de críticos, jornalistas, acadêmicos e curadores de cinema. Ao todo foram 170 participantes de todos os continentes, com exceção da Antártida. “Queremos provar que esse século nos deu filmes que perseverarão ao teste do tempo, que você continuará a pensar sobre e argumentar sobre se você pelo menos der a chance de assisti-los”, diz a BBC.

665