O clube dos 27: de Jimi Hendrix a Amy Winehouse, a breve história de 10 músicos que morreram aos 27 anos

O clube dos 27: de Jimi Hendrix a Amy Winehouse, a breve história de 10 músicos que morreram aos 27 anos

Fotografias: Wikimedia Commons / iMDB

“Agora ele se foi, ingressou neste clube estúpido”, disse Wendy Cobain, ao saber que seu filho, Kurt Cobain, havia tirado a própria vida. Ela se referia ao “Clube dos 27”, termo usado para nomes importantes da música que morreram jovens, aos 27 anos de idade, geralmente pelo abuso de álcool e drogas ou por causas violentas, como suicídio e homicídio. O termo se popularizou entre os jornalistas, como se houvesse uma razão sobrenatural ou alguma conspiração por trás destas mortes. Tais suposições foram reunidas em um livro, “27: A História do Clube dos 27 Através de Vida de Brian Jones, Jimi Hendrix, Janis Joplin, Jim Morrison, Kurt Cobain e Amy Winehouse”, de Howard Sones. A partir dos relatos do livro, a Bula reuniu em uma lista a trajetória de dez artistas brilhantes que fazem parte do Clube dos 27.