Autor: Solemar Oliveira

FICA 2022: o nome das coisas Pablo Regino / MTur

FICA 2022: o nome das coisas

Parece que em algum momento da história os humanos descobriram o fogo para, no futuro, ser possível a invenção do fogão à lenha. Assim, a comida caipira poderia ser inventada. Há quem não goste da tradicional comida da roça? Posso sustentar que a resposta é não, baseado em pesquisas científicas comportamentais, significativas. O fato é que, nessas viagens ao interior, procuram-se restaurantes de comida da fazenda como se busca um prêmio.

Como Os Irmãos Karamazov explica o comportamento atual

Como Os Irmãos Karamazov explica o comportamento atual

O filósofo grego Diógenes de Sínope caminhava, durante o dia, com uma lanterna acesa na mão, em meios às pessoas, e dizia: “procuro um homem”. Foi o fundador da escola cínica. Dessa façanha histórica, não podia sair coisa diferente. Se vivesse nos dias de hoje, poderia usar um holofote como lanterna, durante o dia, e vagar pelas ruas de quaisquer cidades em sua busca para, fatalmente, colher as mais sinistras experiências.

10 livros sul-americanos para ler em um dia (ou dois)

Desafios intimistas, caracterizados por propostas feitas para superar limites pessoais, tais como esportes radicais, dentre eles, rafting, escalada, rapel, voo livre, paraquedismo, skate, só para citar diferentes modalidades, são motivos para novos encontros íntimos, de descoberta de capacidades por nós desconhecidas. É bom para quem gosta! Nem todo mundo deseja se aventurar em desafios extremos e perigosos. Existem outros ambientes — mais seguros e essencialmente distintos — que, também, promovem sensações tão estimulantes e intensas.