Casais perfeitos existem. Mas até quem acredita nunca viu

Casais perfeitos existem. Mas até quem acredita nunca viu

Um dia, em algum lugar desse mundo, num tempo de que já nem mais se fala, existiu um casal perfeito. Era aquele. Ele que era ela, ela que era ele e vice-versa. Eles eram assim, sabe? Como se fossem um só. Formavam a união definitiva, irretocável. O amor verdadeiro, infinito, exemplar. Havia tempos em que viviam juntos, grudados, para cima e para baixo. Iguais. E havia outras fases em que se deixavam partir sem dor, sem mágoa. Cada um em seu canto do mundo e o amor ali, entre eles, alheio ao distanciamento, crescendo como pão de ló.

Lista dos 100 melhores filmes de todos os tempos, segundo Hollywood

Lista dos 100 melhores filmes de todos os tempos, segundo Hollywood

A revista “The Hollywood Reporter” convocou personalidades de Hollywood — atores, produtores, diretores, roteiristas e executivos —, para escolher seus filmes favoritos. Ao todo, mais de 2 mil participantes responderam a enquete. A lista traz filmes de variadas épocas e gêneros. De “O Poderoso Chefão”, de Francis Ford Coppola, a “E.T.”, de Steven Spielberg; de “O Mágico de Oz”, de Victor Fleming, a “Casablanca”, de Michael Curtiz; de “Quanto Mais Quente Melhor”, de Billy Wilder, a “Os Sete Samurais”, de Akira Kurosawa. “Entre as surpresas, revelou-se um caráter mais comercial em detrimento das usuais escolhas dos críticos”, por exemplo, “De Volta Para o Futuro”, de Robert Zemeckis, ficou em 12º lugar, à frente do épico “Lawrence da Arábia”, de David Lean, que apareceu na 23ª posição.

Jennifer Lopez:  o poço sem fundo do mau gosto e da falta de respeito próprio

Jennifer Lopez: o poço sem fundo do mau gosto e da falta de respeito próprio

Há exatamente um ano, em setembro de 2013, escrevi uma crítica ao fenômeno do “twerk” na música pop dos Estados Unidos. A palavra “twerk” remetia a uma dança sensual, por meio da qual a mulher balançava suas nádegas diante do parceiro, excitando-o com seus quadris. Eis que agora sou surpreendido pelo lançamento do videoclipe da música “Booty” e vejo-me obrigado a revisitar minhas ideias. Até então, eu cria sinceramente que Cyrus havia assumido o posto de “rainha do bumbum” nos Estados Unidos, e que o escandaloso videoclipe de “Wrecking Ball” representava o ápice do mau gosto numa carreira de pseudoartista. Ledo engano. O que está ruim sempre pode piorar.

O discurso honesto da figura eleita

O discurso honesto da figura eleita

Diz a lenda que num país distante, em algum tempo entre o hoje e o anteontem, um povo alegre e amoroso esperava com ansiedade por um evento histórico: após uma vitória apertada nas eleições para a presidência de sua terra, uma destacada figura política estava prestes a fazer seu primeiro pronunciamento em cadeia nacional. Em todos os lares e bares, os televisores ligados aguardavam a transmissão ao vivo. Veículos de comunicação deixaram todo o seu efetivo a postos. Os portais de notícias registravam recordes de acesso. Milhões de almas esperavam com apreensão as primeiras palavras de quem agora estaria no poder de suas vidas.

Nossas mudanças podem ir muito além do que se imagina

Nossas mudanças podem ir muito além do que se imagina

Já reparou, estamos cercados de pessoas que se parecem com seus cachorros, gatos, passarinhos, roedores, hipopótamos, macacos e por aí vai. Antigamente, pesquisadores como o filósofo, escritor e frade dominicano italiano Giordano Bruno foram acusados de heresia pela Inquisição romana no século 17 e condenados à fogueira. Suas crenças incluíam a existência da metempsicose, nome complicado que designava a transferência da alma humana para animais, vivos ou mortos ou vegetais de qualquer ordem.

O amor e sua fantástica loteria dos encontros

O amor e sua fantástica loteria dos encontros

Sim, eu concordo. O amor não é só questão de sorte. A gente não senta e espera. O amor não cai do céu. Essa gente que ainda acredita no amor vai em busca e faz a coisa acontecer. Transforma sentimentos tímidos em relações risonhas, multiplica situações amorosas, se lança, se joga, trabalha para construir e fortalecer o amor. Então, pensando assim, nossa tão sonhada felicidade afetiva não há de ser somente um privilégio dos sortudos. Mas, cá entre nós, o acaso tem um papel determinante nisso tudo. Ah, tem!

Faça tudo comigo. Mas não minta para mim

Faça tudo comigo. Mas não minta para mim

Faça tudo comigo. Me xingue, me bata, me empurre. Mas não minta para mim. Bote o dedo na minha cara, me acuse, me humilhe, me chame do que quiser. Mas não minta para mim. Me ignore, finja não me ver, não me ouvir, não me dê a mínima. Mas não minta para mim.